Gravity, criadora de Ragnarok, adquire participação marjoritária nos criadores do Dragonica Online.

A desenvolvedora  e destribuidora de de jogos online Gravity Interactive anunciou um acordo assinado em 28 de setembro de 2010, para adquirir uma participação de 50,8% da Barunson Interactive também um desenvolvedora de jogos online.

O acordo vai definir Gravity trás cerca de 10,1 milhões de dólares. Eles esperam que a transação seja finalizada em torno de 25 de outubro de 2010, dependendo dos processos de aprovação regulamentar e habitual. Quando tudo estiver dito e feito, a Gravity irá ganhar o controle sobre a equipa de gestão da Barunson Interactive. Eles também estarão em posição de controle da Barunson Interactive. Gravity lançou  um comunicado afirmando que que o objetivo da operação é “reforçar as suas capacidades de desenvolvimento de jogos online e garantir mais qualidade ao seu line-up de jogos online“.

Anúncios

Dynasty Warriors Gameplay Preview, novas táticas de combate MMO

Dynasty Warriors Gameplay Preview, novas táticas de combate MMO

Dynasty Warriors Online é o primeiro jogo de combate tático online (MMO) de Techmo Koei. Ele é definido na era dos Três Reinos da China antiga e os belos gráficos irão transportar os jogadores de volta para o coração deste período dramático e romântico. Este jogo combina engenhosamente os elementos de MMO com o ritmo rápido, os jogadores têm crescido combate emocionante o amor de outros títulos da Dynasty Warriors. Em Dynasty Warriors Online, os jogadores são capazes de:

• Enfrentar milhares de oponentes em cada batalha.
• Pela primeira vez, jogar online com os amigos ao redor do mundo. Até 24 jogadores podem participar em Show Downs.
•  Instâncias únicas de nivelamento que permite que os jogadores mudam suas estratégias a meio do combate.
• Vários modos de batalha para permitir aos jogadores a lutar entre si, aprimorar suas habilidades em modos a solo, até capturar cidades inimigas.

Além destes, Dynasty Warriors Online é o primeiro título a apresentar a criação do personagem que permite ao jogador para se tornar o herói da história. Enquanto os jogadores crescerem e se tornarem guerreiros mais poderosos, eles continuam a se tornar mais individual que o jogo oferece uma variedade de opções de personalização tanto para armaduras e armas. Para tirar o seu poder para níveis ainda mais elevados, os jogadores podem tirar vantagem de um sistema fácil de usar acessório item. Todo guerreiro deve ter um lugar para chamar de lar; Dynasty Warriors Online oferece casas jogador e decoração faz menção a decorar o local para todas as suas necessidades sociais. Finalmente, Dynasty Warriors Online tem um sistema de guildas que permite aos jogadores criar estratégias novas e melhores para as guerras em larga escala!

Créditos ao site: MMOJogos

Brasil terá sete representantes no Campeonato Mundial do MMO Ragnarök

Os dias 2 e 3 de outubro vão marcar a vida de sete jovens brasileiros. Djaniro, Davi, Augusto, Rafael, Felipe, Vitor e Gabriel estarão em Jacarta, na Indonésia, para representar o Brasil no Campeonato Mundial de Ragnarök, o jogo online mais conhecido do mundo. Eles formam a equipe Never Back Down e conquistaram o direito de disputar o título contra representantes de outros 16 países após se tornarem os campeões brasileiros do game, que é publicado no Brasil pela Level Up!, líder brasileira no mercado de games.

“Buscamos sem dúvida o primeiro resultado positivo para o Brasil. Com isso, vamos aproveitar e mostrar novas táticas para o mundo e, quem sabe, com elas ganhar o título ou uma boa colocação”, afirma Djaniro Augusto Souza da Silva, líder do time. Jogando juntos há quatro anos e competindo com a equipe a menos de dois, os adolescentes obtiveram grande sucesso nos dois principais torneios que disputaram. Além do título brasileiro este ano, foram vice-campeões nacionais em 2009.

Os treinos diários ganharam ainda mais intensidade com a proximidade do campeonato. “Nossa rotina atualmente baseia-se em estudar vídeos disponíveis das equipes adversárias e formar novas estratégias”, conta Djaniro. Dentro da equipe, cada jogador tem uma função específica. “O Vitor é quem faz as nossas estratégias. Já o Augusto é quem dá o suporte aos demais durante o combate. O Felipe, por sua vez, é o principal responsável por atacar os adversários”, fala o líder da equipe.

Em sua primeira viagem internacional por conta do Ragnarök, os jogadores esperam repetir a dose outras vezes. “Esperamos obter resultados que permitam novas viagens nos anos seguintes. O apoio da Level Up! tem sido fundamental nesse período de preparação e vamos fazer de tudo para corresponder a toda essa dedicação por parte da empresa”, completa Djaniro.

Distância não é problema

Apesar de os membros do Never Back Down serem de quatro estados diferentes – Djaniro, Davi e Augusto são de Santos (SP); Rafael é de São Paulo (SP); Felipe de Montes Claros (MG); Vitor do Rio de Janeiro (RJ); Gabriel de Belém (PA) –, eles se falam todos os dias, desde o surgimento da equipe.

A comunicação é mais fácil entre Djaniro e Davi, que são irmãos, e Augusto, que entrou no time após conhecer Djaniro num curso de inglês. Os demais amigos se conheceram dentro do jogo. “Por conta da distância fica difícil de nos encontrarmos pessoalmente com freqüência, mas como nos falamos sempre, isso não é um problema”, conta Djaniro.

Inspiração

A equipe se chama Never Back Down por conta do filme que tem o mesmo nome (Quebrando Regras, na versão em português). Djaniro assistiu ao longa-metragem e gostou muito. Os demais membros também gostaram do filme e decidiram adotar este nome para o time.

Confira o nome e a idade dos representantes do Brasil no Campeonato Mundial de Ragnarök na Indonésia:

– Djaniro Augusto Souza da Silva, 18 anos

– Rafael Claiton da Silva Souza, 18 anos

– Gabriel Chaves Frigo Macedo, 18 anos

– Augusto da Silva Valencia Quintas, 17 anos

– Felipe Silva Borborema, 16 anos.

– Vitor Fernando Castelani, 16 anos

– Davi Afonso Souza da Silva, 16 anos

Novos MMOs: Quem pode fazer algum barulho?

Novos MMOs: Quem pode fazer algum barulho?

Tem sido um pouco  um ano sem brilho para os  MMOs . O que houve até agora? Star Trek Online (STO), Global Agenda, e o malfadado All-Points Bulletin (APB). Star Trek foi apenas um jogo meio-acabado e, Global Agenda menos de semi-acabado, e APB estabeleceu um novo recorde de MMOs, desligando seus servidores a menos de três meses depois de lançado.
Por outro lado, os títulos single-player foram muito bem. Jogadores single-player tem Mass Effect II, StarCraft II, e Civilization V, jogos que deslumbraram, e ampliaram as fronteiras dos jogos de maneira inovadora, e, muito simplesmente, redefiniram os seus respectivos gêneros . E os jogadores de MMO? Eles têm blá….quase nada.

Se você estava procurando um MMO novo, excitante, este ano não tem sido bom para você. Talvez você já tenha tentado um desses MMOs novo, pensando que STO ou APB fariam o seu sangue ferver. Eles realmente não fizerão, não é? Você provavelmente jogou-os um pouco, talvez tenha se  divertido um pouco, mas realmente não havia muito mais lá para capturar a sua imaginação certo?

Onde estava o factor wow? Onde estava a inovação?

Mesmo se você gostou STO – provavelmente o melhor lançamento deste ano – você rapidamente percebeu que não ofereceu muita novidade. Não fez muito barulho.

Quando você descobriu que esses reles três títulos não iriam fazer isso para você, você provavelmente explorou alguns MMOsvocê nunca jogou antes. Será que você se encontra perdido no deserto MMO, vagando de MMO à MMO? Talvez você tentou WAR ou Age of Conan. Talvez você se aventurou no reino free-to-play (F2P) e bateu por lá um pouco. Se você estivesse procurando algo, algo inovador para definir o mundo em chamas, só encontrou decepção, não é? Eventualmente, você provavelmente cansou da busca, retornando para um velho favorito, como o World of Warcraft ou Everquest 2 ou Eve?

Sim, foi um ano decepcionante para MMOs e da implosão do APB acaba de colocar um ponto de exclamação sobre o manto sombrio já lançado sobre o gênero todo. Mas olhando para frente, há esperança. Talvez brilhante, reluzente  esperança. Espero que comece a chegar este mês e continue vindo pelo o resto do ano.

Os MMOs são a seguir programado para lançamento ou rumores indicam que podem ser agendados para lançamento antes do final do ano. Todos eles se parecem poder trazer alguma inovação tão necessário e fazer um pouco de barulho nos MMOs.

Final Fantasy XIV

MMOs da serie Final Fantasy  nunca foram considerados inovadoras. Claro, eles têm grande PvE e um mundo de jogo onde os jogadores gostam de mergulhar, mas eles nunca foram considerados como particularmente inovadores. Final Fantasy XIV da Square Enix (FFXIV) pode mudar isso.

FFXIV promete trazer algo para o gênero MMO, que foi seriamente negligenciado desde MMOs antigos – um enredo forte e coeso. jogos single-player têm incorporado histórias por anos; MMOs as ignoraram. Assim como um bom enredo mantém os jogadores a jogar um jogo single player, a Square Enix parece ter percebido que uma boa história pode manter os jogadores interessados em um MMO e incorporaram histórias que se encaixam com as missões de FFXIV.

FFXIV leva os gráficos para outro nível também. Assim como fez no ano passado Aion, FFXIV estabelece um novo padrão para gráficos em MMOs. O jogo é visualmente agradável, tanto que pode ser mais do que o sistema pode suportar. Para ajudar a determinar se o seu equipamento pode executar o jogo, o site FFXIV proeminente fornece uma ferramenta para download. Pelo menos, FFXIV pode ser o impulso que você precisa comprar um novo sistema.

FFXIV lança oficialmente em 30 de setembro, mas você pode entrar no pré-lançamento, se você compra a edição de colecionador, que está disponível agora.

Jumpgate Evolution

Você quer um bom MMO sci-fi? Você anseia por algumas batalhas espaciais épicas? Vamos ver o que os MMOs guardam para você … Há EVE. jogo decente, embora um pouco velho, agora. E  há Star Trek Online. Teve alguns problemas no começo, mas é ainda o melhor. Hmm. O que mais está lá fora? Não muito. Se você está procurando alguma ação sci-fi, as ofertas de MMO são bastante reduzidas.

É de se admirar os jogadores estão quase desesperado para jogar jumpgate Evolution?

Jumpgate foi originalmente programado para ser lançado mais de um ano atrás. Tem sido repetidamente adiado desde então, mas pode finalmente estar chegando perto do lançamento. As cenas do jogo assim com inscrições para o beta foram anunciados na E3 e tem um monte de jogadores salivando.

Não há data de lançamento anunciada oficialmente, mas os sinais indicam este altamente antecipado, MMO de combate espacial, pelo menos, ir para o beta antes do final do ano.

DC Universe Online

Será que alguém, finalmente, vai fazer direito um MMO de super-heróis? Cryptic Studios – criadores de City of Heroes e Champions Online – teve quase um monopólio sobre o gênero, mas isso vai mudar com o DC Universe Online. A Sony Online Entertainment, que nos deu Star Wars Galaxies e Everquest, é a desenvolvedora por trás do DC Universe.

Há razão para ter esperança, porém. DC Universe Online trouxe escritores, verdadeiros escritores de quadrinhos, então há uma boa chance do jogo terá um enredo cativante que alguns jogadores vão querer seguir. Além disso, o jogo promete deixar você escolher o seu próprio destino, ala Knights of the Old Republic. Seu personagem pode ir para o bem ou mal, dependendo das decisões que você tomar durante o jogo.

DC Universe Online lança em 02 de novembro.

Créditos ao site MMOJogos.