[MMORPG] Atlantica Online

Atlantis… uma poderosa e mágica civilização que floresceu anos atrás. Os Atlantes se tornaram muito prósperos depois que criaram a substância chamada Oriharukon. Querendo aprender os segredos deste misterioso material, muitas outras civilizações imploraram aos Atlantes para que compartilhassem seu conhecimento, mas eles se recusaram, fechando suas portas para estrangeiros. Qualquer um que insistisse, os Atlantes destruíam brutalmente.

Eventualmente, os Atlantes exauriram todos os suprimentos dos quatro cristais, os materiais base para o Oriharukon. Sua sede pelos cristais levou a destruição de quatro grandes civilizações (Yellow River, Indus Valley, Mesopotamia, e Egypt), e os conduziu em uma jornada para conquistar o mundo para encontrar mais.

Mas a arrogância e ambição dos Atlantes ao invés disso levou-os a sua própria destruição. Quando eles perderam o controle dos poderes mágicos gerados pelo Oriharukon, Atlantis desapareceu num piscar de olhos. Mas, restos do Oriharukon sobreviveram.

Sua Jornada… Seguir um caminho traiçoeiro destinado a você como um descendente de Atlantis. Encontrar seu lar ancestral, que desapareceu da face da Terra há muito tempo atrás. Cumprir seu destino: Salvar a humanidade dos desastrosos efeitos do Oriharukon, a fonte do poder destrutivo de Atlantis.

Retirado do site AOP – Atlantica Online Players

BELO E ADMIRÁVEL MUNDO…. “NOVO”.

Atlantica Online é um jogo da produtora NDoors, a mesma responsável por Luminaire: Rise of the Goonzu. É um MMORPG por turnos: os combates não são em tempo real, e players e monstros agem seguindo uma ordem de turnos onde atacam e usam habilidades.

A primeira coisa que normalmente se vê em um jogo são os gráficos, e AO prende pela qualidade nesse quesito. Todos os modelos poligonais são belíssimos, de players e monstros até NPCs, que aparecem em modelos grandes e ricos em detalhes. Atenção especial também para os cenários, vastos e repletos de minúcias. O ápice gráfico em AO vai para a reconstrução de lugares famosos do nosos mundo. O jogo se passa na Terra (óbviamente alterada para apresentar mais fantasia Steampunk que o normal), e podemos passear pela Grande Muralha da China, pelo Taj Mahal, Bran Castle (pra quem não sabe, a morada de Conde Vlad Teppes, também conhecido como Drácula), e até mesmo locais inusitados, como Detroit e a Prisão de Alcatraz, que aqui são dungeons (!!!).

Infelizmente, alguns pontos problemáticos também saltam aos olhos. Os equipamentos do jogo são baseados em um sistema de “sets”, com armaduras definidas por nível. Isso faz com que você encontre muitos (mesmo) players usando exatamente a mesmíssima roupa que você. Os cenários externos, apesar de belos, às vezes são cansativos. E as cidades do jogo (que são cidades reais do nosso mundo) são idênticas entre si, tanto externamente quanto em seu interior – salvo algumas construções criadas pela guilda que as controle.

VOCÊ E SEUS MERCENÁRIOS

Jogos em turnos não são o tipo mais comum, e o sistema de classes/combate de Atlantica Online se sobressai dentre os poucos títulos do tipo. No começo, você escolhe a classe do seu Personagem Principal (ou “Main”), dentre várias possíveis. Existem nove classes a escolher, e todas elas são exatamente iguais a algum Mercenário: escolher Staff para seu Main o torna um Shaman, e escolher Axe dará a ele atributos e skills iguais às de um Viking (as únicas excessões são Musician e Maniac, que não possuem Mercenários equivalentes).

Durante o jogo, você não lutará sozinho. Você contratará (ou conseguirá por meio de quests) vários Mercenários, cada um com suas próprias vantagens, fraquezas e perícias. Assim sendo, você terá à sua disposição nada menos do que 21 personagens diferentes para escolher e montar seu time. Cada Mercenário conta ainda com evoluções, que acontecem em níveis pré-definidos, e que os deixam mais fortes e eficientes.

Cada Main pode levar consigo até 8 Mercenários, totalizando nove personagens controláveis nas batalhas, e gerando possibilidades imensas de estratégias diferentes. Claro que gerenciar equipamentos, atributos e skills para todos pode se tornar um problema, e se não prestar atenção, você pode acabar com algum Mercenário “esquecido”, usando equipamentos defasados em relação ao resto do time.

O sistema de batalha é bem simples. Ao encostar em um monstro, você vai para uma tela de batalha (à lá Final Fantasy), onde o grupo de inimigos e o seu aparecem. Você então tem entre 15 e 30 segundos (depende de quantos Mercenários você tem) para dar comandos com os personagens disponíveis (no máximo 5). Terminadas as ações ou o tempo, é a vez dos inimigos. Cada ação gasta “AP”, em quantidade diferente, e um mercenário só pode agir se tiver pelo menos 100 AP – ou seja, atacar de forma impensada pode fazer seu time ficar, literalmente, sem ação.

ECONOMIA VIVA E A INTERAÇÃO ENTRE PLAYERS

A economia do jogo é outro fator interessante. Praticamente todos os itens que se obtém são usados em algo – quests ou craft -, e são os jogadores que estipulam preços em um Mercado aberto. Flutuações de preço são comuns, e um item que você encontra caro hoje pode estar baratíssimo amanhã – ou vice-versa.

Falando em craft, o sistema de criação de itens em AO é inusitado. Começa como todo jogo: você precisa de certo nível na skill de craft, e de certas matérias-primas. Ao iniciar o craft, porém, você precisa acumular “Workload”, e isso é feito batalhando contra monstros. Nada de ficar parado esperando o seu boneco terminar de costurar o manto ou afiar a espada. Conforme cria itens, você acumula experiência na skill, e pode aumentar o nível dela simplesmente pedindo para um outro player ensinar a você, caso ele possua a mesma skill em nível adequado.

Aliás, a interação entre players é gigantesca. Jogadores mais experientes podem ser Mentores de novatos. Podem passar seu conhecimento nas skills de craft. Podem dividir informações sobre os montros – que são obtidas durante batalhas e formam um grande compêndium de batalha, com ilustrações e informações sobre cada monstro. Existe inclusive um “fórum ingame” onde os players podem deixar recados que ficam sendo transmitidos para todo o servidor durante um tempo.

O sistema de Guildas também mostra muita interação entre os membros. Cada um pode doar gold para um”fundo comunitário”, de onde saem recursos para o clã. Existe um “Guild Craft”, onde todos os membros ajudam a fazer um craft. Existem Training Centers, batalhas de resistência onde mobs e mais mobs aparecem, e as Guild Dungeons, dungeons exclusivas onde a guilda deve matar todos os monstros em um limite de tempo para obter valiosos prêmios. As guildas podem também “comprar” quase qualquer cidade do jogo, e isso abre novas opções como Town Quests e a persuasão de NPCs para irem morar na sua cidade!

THIS IS…. ATLANTICAAAAAA!

Desnecessário dizer que o PVP de Atlantica Online é inusitado, devido ao estilo em turnos do jogo e à quantidade de times diferentes que se pode criar com os Mercenários. Existem diversas formas de PVP no jogo. A mais conhecida é chamada de Free League: jogadores se enfrentam de forma mais ou menos aleatória, e são dividios em Divisões – a mais baixa é a 18 e a mais alta, óbvio, a 1. Mesmo perdendo nas FL você recebe experiência e recompensas, então a diversão não é prejudicada pela derrota.

Outra forma de PVP são os Weekly Championships, torneios que acontecem nos Fins de Semana, e onde normalmente só top players participam. Os prêmios enchem os olhos: os vencedores são agraciados até com montarias.

Por último, a Nation War. Todo sábado, Nações (reuniões de Guildas diversas) que estejam em Guerra se enfrentam. O objetivo é derrotar os 3 NPCs que ficam na cidade-Capital da Nação, dominando-a. Quem já assistiu uma batalha contra esses NPCs sabe que a luta é verdadeiramente épica.

FAÇAM AS MALAS, A VOLTA AO MUNDO VAI COMEÇAR
Atlantica Online
é uma excelente escolha para aqueles que curtam jogos em turnos, ou para aqueles que estejam cansados do simpels apertar de atalhos de skills. O visual é sensacional, a história é muito boa, e o jogo diverte na medida certa. Aqueles que não gostem de jogos muito centrados em quests talvez torçam o nariz – e quest é o que não falta no jogo. De qualquer modo, jogar Atlantica Online é uma experiência sem par, uma viagem por nossas próprias culturas, conhecendo NPCs que fizeram parte de nossa história, e procurando a verdade por trás de uma lenda que persiste como uma das mais intrigantes do mundo.

Site Oficial: http://atlantica.ndoorsgames.com/
.
Fan Site/Database (em português): http://aop.muwing.com/pt/atlantica-online-pt
.
Requerimentos mínimos: https://support.ndoorsgames.com/KB/a2/minimum-system-requirements.aspx
.
Screenshots: http://www.orkut.com.br/Main#Album.aspx?uid=14922844148524326823&aid=1222591052
.

Fontes:
Site oficial do jogo
Atlantica Online Players
MMONation


2 Responses to [MMORPG] Atlantica Online

  1. Seu Nerd disse:

    ja vi esse game nao gostei nao, pra falar a verdade nao gosto mt de mmorpg não =x
    mais se for pra escolher um prefiro MU;D

  2. Éder disse:

    Parece ser um belo jogo…talvez eu baixe aqui!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: